terça-feira, 10 de maio de 2011

Canal do Panamá - maravilha do mundo moderno, Cidade do Panamá, Panamá

ônibus estilizado que nos leva até o Canal

Um enorme navio vindo do Oceano Atlântico. Detalhe para o nível da água baixo, quando o navio entra no Canal.

Navio plena travessia.

Navio saindo em direção ao Oceano Pacífico

Detalhe para o nível da água alto no momento em que o navio termina a travessia.

O Canal do Panamá é considerado uma das sete maravilhas do mundo moderno pela Associação Americana de Engenheiros Civis. O Canal liga o Oceano Atlântico ao Oceano Pacífico. Enormes navios passam por aí diariamente, poupando tempo e dinheiro no transporte de cargas valiosas.

Uma forma de  chegar ao Canal é pegando um ônibus no terminal rodoviário. Ao chegar lá, é só pedir informação sobre em que terminal estão saindo os ônibus que levam ao Canal do Panamá - Miraflores. O povo panameño é educado, polido e muito gentil. Os ônibus são muito curiosos, e lembram aqueles que costumamos ver em filmes americanos, transportando prisioneiros. Quando não são amarelos, são pintados, com temas e cores diversos e levam nomes como Queen Mary ou Elizabeth. 

Pegamos um ônibus normal que levava trabalhadores, para viver um pouco da cidade. Ele fica parado até encher, e as pessoas vão se espremendo em bancos apertados. Quando a gente pensa que não cabe mais ninguém, aparece alguém para dividir o banco com você. E ainda vai gente em pé. Com o calor forte, até que deu para lembrar do Brasil. 

O Canal do Panamá impressiona. E é também uma distração ficar vendo os navios entrando e saindo. Fica cheio de turista e os tripulantes acenam e até posam para as fotos. A travessia é feita por três comportas, e o nível da água vai mudando para que os navios atravessem.

Quando um navio aponta e as comportas são abertas, a água do primeiro canal está no nível do mar. Ao entrar totalmente, o nível da água começa a subir, recebendo água do segundo canal, para ficarem no mesmo nível.  Abrem-se então as comportas, para que o navio passe para o segundo canal. E é neste sobe e desce que o navio atravessa, até chegar no Oceano. 

Os países que mais fazem a travessia são: USA, China, Japão e Chile. A procura é grande e por isso tem que agendar. Os valores pagos são altos, e movimenta muito a economia do Panamá, mas os benefícios  para os países que utilizam o Canal são imensos.

O canal foi construido pelos americanos (1904 a 1914) que tiveram o direito de administração até 1999, quando o controle passou ao Panamá.

Paga-se cerca de 5 dólares para ter acesso ao vai e vem dos navios. Para quem quiser assistir a um video sobre a sua construção, o valor fica em torno de 8 dólares.